Estudar em casa: como ajudar meu filho nas aulas remotas?

como ajudar meu filho a estudar em casa
5 minutos para ler

Desde março de 2020, estamos vivendo uma rotina atípica por conta da pandemia de COVID-19. Tivemos que adaptar todas as nossas atividades presenciais para um formato on-line com o objetivo de conter a disseminação do vírus.

Diante desse cenário, a educação básica viveu uma reviravolta, com filhos e pais estudando e trabalhando no mesmo espaço e tendo que dividir horários e rotinas diferentes.

Os pequenos, portanto, precisam de um auxílio para se adaptar à nova rotina de estudar em casa e aprender a lidar com o novo contexto. Assim, os pais encontram desafios para acompanhar de perto os filhos e ajudá-los nas atividades escolares, enquanto se adaptam à própria nova rotina.

Algum tempo se passou e a rotina já não é mais tão nova assim, no entanto, é sempre importante remodelar a maneira como nos organizamos. Mudanças acontecem o tempo todo e quanto antes conseguirmos reencontrar os eixos, melhor.

Pensando nisso, a JC Kids decidiu compartilhar algumas dicas para lidar com a situação da melhor maneira possível e ajudar os pequenos a estudar em casa. Confira!

Estabelecer uma rotina

Por mais que tudo esteja diferente, é importante estabelecer uma nova rotina o mais similar possível à rotina antiga. Apesar de estarmos em casa, não estamos de férias.

Sendo assim, os horários para acordar e ir dormir devem continuar os mesmos. Os pequenos precisam ter tempo para tomar café da manhã, escovar os dentes e organizar o quarto antes de sentar à mesa para começar o dia.

Uma boa dica é trocar o pijama pelo uniforme da escola, assim, inconscientemente eles podem entender que aquela é a hora de estudar.

Por fim, depois que se encerra o período escolar, é importante também separar os horários de estudo, intervalos, horários para brincar e fazer refeições. Assim, a rotina da casa fica mais organizada e todos contribuem com as tarefas.

Separar um local apenas para os estudos

É essencial que os pequenos tenham o próprio espaço de estudos. Eles precisam de um cantinho com boa iluminação, mesa e cadeira confortáveis e longe de distrações para estudar em casa.

Nada de assistir aulas da cama ou do sofá ou estudar na mesa da sala enquanto os adultos estão assistindo televisão ou conversando. As crianças precisam entender, desde cedo, que o momento de estudar precisa ser promovido por um ambiente tranquilo e que permita o foco.

Mas mais do que isso, o local de estudo precisa ser acolhedor e organizado! Sendo assim, prepare o cantinho com os materiais necessários, o cronograma das aulas à vista junto com as datas de entrega de trabalhos e provas.

Acompanhe as aulas

Na medida do possível, acompanhe seu filho durante as aulas. Não para fiscalizar a aula ou submetê-lo à pressão de ter alguém o vigiando, mas para auxiliar caso a conexão caia ou ele tenha alguma dificuldade com a plataforma, não saiba o que fazer com uma atividade, etc.

Porém, preste atenção para não interferir no ambiente da sala de aula virtual. Ele está sendo conduzido pelo professor ou professora responsável e deve continuar assim como se as aulas estivessem acontecendo presencialmente.

Na hora do dever de casa, se o seu pequeno estiver com dificuldades e você não souber como ajudar, não faça as atividades por ele, mas incentive-o a procurar a ajuda do professor ou professora. Assim, ele aprenderá a resolver os problemas sozinho.

Procurando por brinquedos pedagógicos que possam contribuir com o desenvolvimento do seu pequeno? A JC Kids possui uma variedade de livros de atividades que podem ajudar. Confira clicando aqui!

Comunique-se com a escola

Mais do que nunca a comunicação assertiva se tornou a chave de muitos processos em nosso dia a dia.

Por isso, acompanhe os recados enviados pelas plataformas, as datas de trabalhos, tarefas e provas para colaborar com o aprendizado do pequeno.

Além disso, é essencial estreitar os vínculos com a equipe pedagógica da escola para promover um aprendizado de qualidade.

Converse com o seu pequeno sobre as aulas

Incentive o seu pequeno a falar sobre o que ele está aprendendo. As aulas on-line promovem menos interação do que as aulas presenciais, por isso, é muito importante que ele se comunique com você sobre elas.

Além disso, é uma oportunidade para estabelecer vínculos afetivos e de confiança com a criança. Ao saber que seus pais se interessam pela vida dela, ela se sente importante e estimulada a compartilhar sua vida com eles.

Mas não é só isso, compartilhar os aprendizados que seu filho teve nas aulas é uma ótima maneira de ele se motivar pelos estudos. Quando explicamos algo que acabamos de assistir em aula, estamos sintetizando o conteúdo e fixando conhecimentos novos.

Incentive seu filho

Por fim, mas não menos importante, tenha paciência com o seu pequeno! O momento é estressante para todos e um pouco mais de carinho e amor podem amenizar as dores do isolamento e da pandemia.

Assim, encoraje seu filho com palavras que elogiem suas qualidades e funcionem como um reforço positivo sincero.

Evite cobranças excessivas, mas tenha a delicadeza para lidar com as situações que exigem pulso mais firme de forma a ensinar algo e não pressionar pela obrigação.

Estudar em casa pode ser uma tarefa difícil, mas com organização e paciência é possível tornar o momento menos angustiante.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com os amigos e acompanhe o nosso blog e nossas redes sociais para ficar por dentro das novidades!

Você também pode gostar

Deixe um comentário