Dividir brinquedos faz bem e todo mundo gosta! Vamos começar?

3 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Crianças, principalmente as muito pequenas, têm um enorme senso de propriedade. Tudo é delas — inclusive a mãe, o pai e a amiga favorita. E nem sempre elas gostam de dividir suas coisas, principalmente quando seus brinquedos são o assunto da vez.

Isso costuma gerar conflitos, em especial quando duas crianças se dispõem a brincar juntas. Embora esse sentimento de posse seja normal, a criança pode (e deve) ser ensinada a partilhar alguns de seus pertences.

Mas como fazer para ensinar a criança a dividir os brinquedos? Veja com a gente algumas dicas que podem fazer a diferença na hora de compartilhar:

Não force a criança a dividir brinquedos

Crianças, assim como os adultos, possuem opiniões e gostos próprios que devem ser respeitados. Se a criança realmente não quer dividir o brinquedo naquele momento, aceite e procure alternativas para contentar o amiguinho. Forçar a criança a dividir o brinquedo sem que ela esteja preparada para isso apenas causará mágoa e ressentimentos.

Explique que emprestar não é dar

Crianças menores não compreendem o conceito de “empréstimo”. Quando veem o amiguinho pegando um brinquedo seu, podem achar que ele ficará com o brinquedo para sempre. Daí a recusa em partilhar, pois têm medo de perder. Ao explicar para a criança que o brinquedo será devolvido mais tarde, ela se sentirá mais segura para dividir.

Torne a partilha algo natural

Para compartilhar, a maneira mais eficiente de convencer é o exemplo dos pais e dos mais velhos. A criança que desde cedo observa os pais e os irmãos dividindo coisas sem grandes conflitos adquirirá, por sua vez, o mesmo hábito de repartir.

Um modo eficiente de incentivar a solidariedade é participar de atividades voluntárias e causas sociais. Adultos não costumam ter brinquedos para repartir, mas podem repartir seu tempo, sua atenção e suas habilidades.

Leve a criança a feiras e bazares para doação e troca

Uma prática muito útil é incentivar a criança a doar brinquedos e livros que já não usa mais. Deixe-a escolher os brinquedos que devem ser doados e deixe que ela mesma entregue os brinquedos, mostrando a ela que dar pode ser tão prazeroso quanto receber.

Deixe em casa os brinquedos novos

Se a criança acabou de ganhar um brinquedo, ela estará empolgada pela novidade e provavelmente não vai querer emprestar para os outros. Assim, ao sair para brincar com os colegas, é melhor que ela deixe o brinquedo novo em casa. Essa simples medida evita muitos constrangimentos.

Tenha paciência e compreensão com a criança

Conforme a criança vai amadurecendo, ela vai entendendo melhor os conceitos de empréstimo e posse, tornando-se mais flexível para brincar em grupo e repartindo seus brinquedos sem grandes problemas.

Os pais devem procurar entender que o sentimento de posse é também necessário e faz parte do aprendizado infantil. A criança deve ter estima e respeito por suas coisas, mas sem apego exagerado.

Assim, com calma e paciência, você poderá mostrar para a criança que dividir brinquedos pode ser também uma atividade muito divertida! E aí, o artigo foi útil para você? Então vamos compartilhar com os amigos nas redes sociais! 

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário